sexta-feira, 1 de abril de 2016

Uma união silenciosa – Mestre Serapis Bey (abril de 2016)



Queridos leitores,

Filhos,

Quando vieram e aceitaram adentrar ao jogo tridimensional, havia grande euforia, porque vocês sabiam de tudo que seria apresentado. Havia um grande potencial de transformações que seria posto em prática. 

Vocês adentraram a esse jogo e foram modificando o dia a dia, num trabalho silencioso de compaixão. Um sorriso, uma mão estendida, uma nova forma de olhar, uma palavra amiga, a demonstração sincera de amizade… Esses foram os atos que esse exército de mestres em terra praticou. E vocês foram ancorando energias e inserindo sentimentos na consciência coletiva. Essas emoções trazidas foram dilacerando os corações ainda fechados e abrindo-os ao recebimento do amor. 

Mas vocês trouxeram também a energia da contestação, pois sabiam que havia melhores formas de se fazer, de conviver. Então, quantas vezes, numa demonstração de amor, contestaram aquilo que era,  digamos assim, feito de um modo mais rústico.

Foi um trabalho silencioso no qual vocês não se conheciam, apenas sentiam que havia mais de vocês, por aí, a espalhar sua energia. Vocês sentiam a família, mas a energia da época não permitia se reconhecer.

E esse trabalho foi modificando a energia de seu mundo e expandindo a consciência daqueles que ainda não estavam abertos a sentimentos mais sublimes. Vocês, cada um a seu modo, foram mostrando isso, sem que sequer percebessem o que estavam a realizar.

Em seu interior, vocês sabiam que tinham algo de diferente, porque não compreendiam aquela forma de vida. Vocês sentiam que havia algo mais adiantado e, da maneira que podiam, iam mostrando isso. Porque na sua natureza há uma sabedoria guardada que vem de outras eras, que vieram a ancorar nesse ambiente. 

As energias foram se modificando e vocês foram se reconhecendo. Vocês se olhavam nos olhos e percebiam aqueles que possuíam um brilho diferente. Havia algo ali. Os olhares se entrecruzavam e cada qual seguia sua jornada, em seu trabalho de amor e de fé por um mundo melhor. 

Depois começaram a ver falas dispersas em suas redes mundiais de computadores, e algo nesses dizeres os atraia. Eram os sinais da família que agora os ligava mais profundamente e o trabalho ganhava maior expressão, porque havia mostradores a os unir e a os dizer para continuarem a acreditar. O coração voltava a vibrar naquela energia inicial de grande euforia. Vocês sentiam que algo grande estava a se aproximar. 

Hoje, muitos de vocês já se conhecem no mundo todo, pessoalmente ou à distância, porque uma energia os uniu. A energia do bem querer, aquela que estava em seu coração que dizia que havia uma nova forma de ser, que havia outra possibilidade. Ainda que não identificassem com clareza qual era, em seu coração estava guardada aquela sabedoria ancestral, onde vocês sabiam que um mundo com mais amor era uma possibilidade. 

Vocês foram tidos como sonhadores, como aqueles que viviam em outra realidade, porque assim eram vocês. Não há problema nisso, porque foi esse seu comportamento que passou a ancorar uma nova maneira de se expressar. Foram seus gestos, sua coragem de enfrentar velhos padrões, de dizer que há uma forma melhor, mas, acima de tudo, sua capacidade de se manter em paz ao centro de seu coração. 

Ah, essa capacidade de se manter em paz é nova. Essa nem vocês sabiam que tinham, pois ao se manter ao centro, se mostram como os devotos da fé num futuro melhor. Os mostradores de um modelo novo que vocês trouxeram a esse mundo, em seus corações. Porque é em vocês que esse novo está ancorado.  É aí que está todo potencial de mudança de que tanto falamos e falamos e, ainda, repetimos. São vocês meus doces e lindos guardiões. 

Não acreditam? Olhem a sua história de vida, vocês que leem esses textos. Vejam se seu coração não é assim como descrevemos, com uma energia que sabe que algo grande está a vir e que há outra possibilidade. Vocês sentem que é um trabalho feito a cada dia, ancorando energias em seus atos, mantendo a fé na humanidade, sendo o exemplo de Luz nesse planeta, mostrando que há uma nova e mais adiantada forma de ser. 

Porque, amados, ser um trabalhador da Luz não é pegar um megafone e sair a gritar na rua, não! É ancorar energia, é demonstrar na fala suave uma nova maneira de falar, é ter equilíbrio nos movimentos, é ter calma, é ser exemplo, é mostrar que você possui algo de diferente que é sua humildade e sua compaixão. É ter equilíbrio até no contestar. Isso é ser um trabalhador e foi isso que vieram a fazer e é o que está a modificar toda a estrutura de poder. 

Nessa energia, não há poder a os manipular, porque vocês são autênticos e estão manifestando aquilo que está guardado em seus corações. Vocês são indomáveis, porque acreditam naquilo que trazem dentro de si. 

Então, continuem a trocar esses olhares de reconhecimento, sabendo que estão em uma grande família a trabalhar, a espalhar amor. Acreditem, meus exércitos de corajosos mestres! Não duvidem do que guardam dentro de si, porque carregam o que há de mais belo em todo esse mundo e que jamais alguém será capaz de os tirar: O AMOR DE DEUS. 

Fiquem em paz, meus amados, porque EU SOU Serapis Bey e estou pessoalmente aqui a irradiar meu amor por vocês, com a ajuda de toda nossa fraternidade de irmãos. 

Mestre Serapis Bey

Canal: Thiago Strapasson – 28/03/2016



Revisão: Solange Yabushita

quarta-feira, 30 de março de 2016

Da dissolução do ego surge a paz: o mito da Fênix - Elohim Claire



Meu filho,


Há paz ao seu redor, nesse momento. Sinta! Você está em paz, em profunda e benevolente sensação de que tudo está bem. Há pureza em você.


Eu sou Claire. Sustento a energia da paz e ressurreição porque é através de sua paz interior que estará a acessar camadas mais profundas de seu Eu Sou.


Então, sinta essa energia da mais pura paz que irradio até você, meu amado, pois ela toma todo o seu ser nesse instante. É suave. E você sente esse profundo bem estar que essa sensação o gera.


São energias disponíveis ao seu ser, meu filho, porque seu mundo está a ser irradiado por energias de altas vibrações, como essas que agora lhe transmitimos.


Mas é nessa paz, nessa energia maravilhosa, que vimos lhe falar sobre tudo aquilo que seu mundo atravessa, nesse momento. Porque muitos perguntarão, “como manter e sustentar essa paz em um mundo com tantos desafios que são apresentados?”


Eu respondo que todos esses desafios estão a dissolver seu ego, sua razão, porque você não consegue mais explicar tantas mudanças que estão ao seu redor. E, nessa ausência lógica de explicações, seu ego passa por um processo de dissolução. Pois, se assim não fosse, não suportaria a tamanha pressão de tudo que vê em sua realidade física.


Eu lhe digo, meu amado, quando você se depara com as situações mais desafiadoras de sua vida, você passa, então, por um processo de dissolução da sua base de sustentação que era tudo aquilo que confiava. E nesse momento você passa, então, a sentir o profundo amor e paz que sempre esteve em seu interior. 

 O que seria a noite escura da alma senão um processo de dissolução do ego, onde a profunda dor momentânea, onde aparentemente não se vê a luz ao fim do túnel, e o horizonte é escuro e sem esperança? Esse processo faz com que, justo desse momento, se irradie das profundezas da alma um novo ser que ressurge a flamejar sua paz e seu amor a todos a seu redor.


É porque, quando perde as bases de sustentação que confiava em seu mundo, você é obrigado a se desapegar de suas crenças. Essas que eram, justamente, as bases de sustentação e predominância de seu ego. Então, nesse processo, você dilui as raízes de seu apego, e tudo o que resta é seu centro amoroso de paz e amor.


Há um processo coletivo de limpeza das amarras ao qual atravessa, onde todos os valores, as crenças, as bases estão em diluição para que em sua sociedade ressurja um novo modelo de vida. As bases são diluídas, para que um modelo atualizado resplandeça a irradiar sua paz.


Eu digo, filho, esse processo de dissolução é a analogia da fênix, o pássaro que morre a renascer ainda mais belo e forte de suas próprias cinzas. Porque quando sobram apenas as cinzas, não há mais nada a que se apegar, nada onde se apoiar, a não ser recomeçar de uma maneira mais autêntica e leve.


Então, não se preocupe, porque o horizonte é belo. Ele é de paz, pois o momento é de ressurreição. Siga por seu fluxo, em confiança, que o momento de renascimento está cada vez mais próximo e será muito mais belo que imagina.


A serviço do amado Mestre Serapis Bey e de toda a fraternidade de mestres, eu sou Claire, sustentadora da chama da paz e pureza nesse mundo. E que dessa paz interior haja a ressurreição do amor.


Elohin Claire


Canal: Thiago Strapasson – 26/03/2013


Revisão: Solange Yabushita

terça-feira, 29 de março de 2016

Resonance and Ascension – Master Saint Germain

Queridos leitores em português, essa é a tradução para o Inglês da mensagem original, postada em português. Clique no link abaixo e terá a mesma em português.

http://www.coracaoavatar.com.br/2015/11/ressonancia-e-ascensao-saint-germain.html
_____________________________________________________



Blessed masters!


What a great opportunity I have to meet you, to bring energy and knowledge in our mutual assistance! Be aware that I bring these words in this now of your time, not only to your assistance, but also to my own. After all, I don't have the chance to meet you all the time, great masters, open-hearted to permute the sacred energies you bring in your beings. It is a great opportunity that makes me really happy.


I also bring the great love that I keep in my heart for you. It is an incomprehensible love to your consciousness in a temporary state of limitation. A love also for the path you follow of transmutation of the entire planet to the higher spheres of consciousness.


You've left a dense, dark place, where you couldn't see the horizon right up ahead. It was a sunset with no light to illuminate it. You have arrived at a point at which the horizon is clear, luminous, radiant, I would say, dominated by the benevolence of the energies of transmutation.


The world changes quickly and is bathed in energies that bring you increasingly closer to an expanded state of consciousness, in which you will no longer doubt all the magic and abundance that already permeate your beings in love, assistance and benevolence.


My masters, we sustain extremely subtle vibrational energies, which we can already irradiate to your world, due to the energetic level you are sustaining. We irradiate them to assist the mission that you once accepted and in love and commitment to the creation and ALL THAT IS. We also have the help of heavenly beings from the entire cosmos, only to support you. This is a process of unimaginable proportions to your current level of understanding, for the greatness it represents.


In this benevolent work your world is being, say, sanitized, cleaned of the old and obsolete energy patterns you were used to. Your bodies are being transmuted in order to sustain loving energies increasingly subtle, in grace to your beings and to all creation. For this reason, your consciences are decompressed, progressively accepting higher and beneficial standards to your world.


Acknowledge you are deserving of something better, something that is in line with your current vibrational levels of being. Acknowledge you are children of the creator, worthy of receiving all the riches He offers to his children. The old becomes unattractive because it simply doesn't resonate with your beings. So, by taking the focus away from these ancient elements, they simply cease to exist in your worlds, in your realities.


Of course, for a moment, you go through an existential emptiness, in which the old doesn't resonate, and the new is not yet fully implemented. But the important thing is that you already visualize the new, while the old doesn't say anything anymore.


Just look at this! As consciousness expands, the old becomes uninteresting, obsolete, boring (laughter), causing you to seek new ways. This search releases the creative energy you bring along with your beings and, thus, you create a new reality.


My chest is filled with joy, because I'm able to introduce this simple process to which you are reviving your own creative energies, visualizing new and better ways of being, of doing things. This simple visualization, along with the heart's will, that which truly resonates with your beings, transmutes the old ways by simply not accepting them in resonance anymore. You acknowledge you are deserving of something better and you put your energy into creating a new and better world of peace, understanding and abundance.


Therefore, as you expand your consciousness, you increase your vibrational levels, and everything that has been built with the help of dense and obsolete energies, that caused you the containment of consciences, begins to crumble. And this is for a simple reason: you shifted your focus because that no longer resonates with your beings, it does not interest you anymore.


It's all much simpler than you can conceive, but no less magnificent and majestic. It is the creation, in favor of the creator, showing all its divine perfection. And you are at the core of this process, teaching all creation what it means to be a master of your spiritual source.


Yes, dear ones, don't belittle yourself! Performing a work so beautiful and magnificent without access to all of your consciousness is only for those who hold a strong heart, full of faith, love and benevolence. That's why you were chosen, because you possess the most secure sources of all creation, bringing them in your hearts.


So much so that, even in the face of all density and restrictions of all kinds you have faced, you never lost the sacred source of your beings, which is kept in your hearts. You never ceased to look to the flame of God in your hearts, which continues burning and radiant. And today you can say it aloud: Look here! Look where I've arrived! Look what I have done! And that is no pretense or arrogance, because what you did was grand.


From our perspective, we see you today, my beloved ones, as great souls, much greater than we thought you were when you agreed to take on this commitment. And so I thank you, because I only took on a spiritual position in this beautiful process because I knew I could count on you, the best ones! Those who were chosen because of the unique and irreplaceable gifts they hold.


Thanks to the work you perform and the flame you kept burning in your hearts, you'll see wonderful manifestations in your world very soon. You will see! I wouldn't say that if it were not true, because I AM WHAT I AM! And I want you to know that all is well, in fact, all is well in all creation!


I am Saint Germain and, therefore, I ask you to accept this truth I present you!


Nov. 27, 2015 – Thiago Strapasson

Translation: Filipe Novais

domingo, 27 de março de 2016

Sobre uma vida em abundância - Lady Pórtia



Queridos irmãos, que as bênçãos do amor estejam a os iluminar.

Gostaria de tratar de um tema recorrente em sua vida diária, a abundância. Trata-se de uma energia que se contrapõe à falta porque, na abundância, tudo está disponível ao seu ser.

Por longas eras, foram treinados a acreditar na dificuldade de obtenção de seus recursos. Vocês se prendem nessa ideia da falta no futuro e, então, passam a reservar recursos a um futuro que, talvez, não chegue. Usam de todos os argumentos para justificar o medo da falta, o de que amanhã estarão velhos, o de que seus filhos podem vir a precisar, e assim por diante.

Então, esse medo da falta os trava porque, desde que haja disponibilidade, vocês passam a reservar uma quantia para se precaver contra futuras turbulências ou dificuldades inesperadas.

Mas se esquecem de que são cocriadores e que seu foco atrai as experiências. Então, tão logo tenham a reserva, as experiências que atraíram começam a surgir. Aquele valor que obtiveram com tanto sacrifício serviu ao seu propósito, que era ser utilizado numa situação emergencial.

Mas, se ao invés desse pensamento, vocês se voltassem ao agora, onde tudo está disponível e se permitissem fluir na vida, vocês deixariam de se privar de tantas possibilidades imediatas para reservar ao futuro.

Claro que há sonhos a serem postos em prática, mas, se ao invés de focar na falta futura vocês focassem exclusivamente na gratidão e confiança, acreditando que são amados e apoiados e que são capazes de atrair as experiências necessárias para seu ser junto ao universo?

Vejam que não dizemos aqui em focar em um querer, mas sim, em um anseio de sempre ter o melhor em sua vida. Dizemos que vocês trabalham, reservam o dinheiro porque acreditam que um determinado bem os completará, de alguma forma, em suas experiências. Mas, semanas ou dias após a aquisição daquele bem, ele já nem é tão importante assim. Ao mesmo tempo em que se esqueceram dele, vocês também deixaram para trás o esforço que fizeram para o adquirir. Na verdade, possivelmente, vocês iniciaram um novo esforço na busca de um novo sonho. Então, esse ciclo se repete em suas vidas, sempre nesse esforço contínuo na obtenção de algo.

Ou então, vocês passam a poupar unicamente pensando nas dificuldades que poderão enfrentar numa idade mais avançada. Dificuldades essas que fatalmente virão, pois esse foi seu foco por muitos anos, então você atrairá essa realidade.

Mas, se ao invés desse foco na falta futura ou na aquisição de algo que seja valioso, vocês vivessem sem receio, sem medo, sem um querer, apenas sendo a cada dia e acreditando que amanhã será ainda melhor que hoje. Então, todos os dias ao se levantarem e se deitarem vocês dissessem "agradeço por tudo que tenho hoje e trago a certeza que amanhã será ainda melhor".

Se vocês começassem a viver sob esse foco, fluindo, sem a necessidade de se privarem de tantas experiências por um amanhã incerto, vocês viveriam em abundância hoje. Não, no sentido de saírem comprando e consumindo, mas sim, de sentir a felicidade de estar no agora, em confiança de que tudo sempre estará bem.

Meus amados, se passassem a vivenciar essas palavras sentindo-se abundantes e confiantes, em pouco tempo sua vida teria uma enorme mudança, pois vocês se colocariam no fluxo da criação e as oportunidades surgiriam em suas vidas. Se se colocassem integralmente nessa energia, vocês seriam como um ímã a atrair sempre o melhor à sua vida.

Nessa condição energética e vibracional, o universo os provê de absolutamente tudo. E não dizemos aqui apenas de recursos financeiros, mas de amor, de felicidade, de prosperidade, porque é a sua condição energética que diariamente está a criar seu dia, seu ano seguinte.

Então, se vocês pensam que amanhã não terão o suficiente e acreditam nisso, será essa a experiência que atrairão. Se pensam que para adquirir algo têm que suar ou trabalhar muito, será isso que estarão a atrair.

Mas, ao contrário, se se colocam em uma posição de agradecimento e confiança pelo fluxo da vida abandonando seus quereres egoicos e materialistas, então a mágica se inicia. Vocês se colocam no fluxo sem privações, reconhecendo-se como merecedores de tudo, confiando que amanhã será ainda melhor. Então, será isso que estarão a criar.

Cabe a vocês, filhos, escolherem aquilo que desejam, escolherem sua condição vibracional e as experiências que desejam atrair para suas vidas.

Com muito carinho.

Lady Portia

Canal: Thiago Strapasson – 25/03/2016

Revisão: Solange Yabushita

sexta-feira, 25 de março de 2016

Vocês são a mensagem - Lord Maitreya


Os Mestres que nos acompanham nessa encarnação se conectam conosco de forma harmoniosa e nos permitem perceber isso. Em geral, eles trazem informações de forma isolada a um canalizador, mas, às vezes, conectam as consciências em fenômenos que nos chamam a atenção, tal como esse, na sequência:


Eu (Thiago) e o Gabriel RL estávamos conversando pelo chat do Messenger sobre o número de leituras das canalizações nos nossos Blogs. Refletíamos se seria importante o número de pessoas que lê cada uma das mensagens que postamos, quando, primeiramente, o Gabriel sentiu uma presença (um ser espiritual), que veio a nos esclarecer. Em seguida iniciou-se, pelo Gabriel, a canalização de uma mensagem. Esse ser disse-nos, então, que deixaria a outra parte da mensagem comigo. Importante destacar que, embora Gabriel soubesse quem era esse ser, nada comentou comigo. Quando lhe entreguei a minha parte da mensagem e ele viu que a assinatura final era do Lord Maitreya, ele ficou muito feliz! Isso sempre serve de prova para muitos, porque ele não havia me dito que era o Maitreya. Os Mestres nos tem provado frequentemente que estão presentes nas nossas vidas e sinais como esses nos enchem de alegria. Para nossa surpresa, ao unirmos os dois textos, percebemos que eles se encaixaram perfeitamente, numa clara alusão de complementariedade. Ambos comprovamos advir do mesmo mestre, Lord Maitreya, a referida mensagem. O resultado é esse texto que apresentamos logo abaixo.

______________________________________________________


Amados irmãos, que a paz crística esteja a os sustentar, pois somente ela que os aliviará a permitir o ancoramento de tudo o que representam nesse mundo.


Estamos aqui a ancorar essa energia crística que irradia do centro amoroso de nosso Pai aos seus corações por meio dessas marcas, (letras), que tomam contato.


Há muito mais aqui, assim como em outras canalizações de outros irmãos, do que palavras, do que ensinamentos. Há aqui energia, onde cada um que lê essas mensagens de coração aberto se torna um canal a ancorar as energias ao mundo físico e não físico.


Quando vocês param seus afazeres a tomar contato com essas lições sagradas, vocês estão ancorando a energia que irradiamos até vocês à sua dimensão e outras mais. Vocês estão auxiliando na expansão da consciência planetária, pois o papel do ancorador não é nada menos importante que o do canal.


Meus irmãos, de nada adiantaria trazermos mensagens se fossem letras frias, destituídas de conteúdo energético. Cada um de vocês, que em um nível multidimensional toma contato com esses textos, está a auxiliar seu mundo no ancoramento das energias criativas benevolentes que estão a os modificar e a destituírem as antigas estruturas de poder.


Mais que isso, vocês estão ancorando energia que irradia de seus corações a milhares de irmãos que estão à sua volta e, mais ainda, em um nível multidimensional, vocês ancoram energias a outras dimensões espirituais.


Então, amados, todos vocês que estão envolvidos no ancoramento de Luz ao planeta participam dessas canalizações, seja sustentando a energia para que possamos chegar ao canal, seja auxiliando os seres benevolentes a ancorar a energia em seu plano terrestre, para que ela se irradie aos corações ainda fechados aos ensinamentos.


Mas, em um nível multidimensional, todos vocês participam desses textos porque formam uma equipe de guardiões que, cada um a seu modo, está auxiliando no ancoramento das energias, que estão a modificar seu mundo. Não existiriam essas cartas ou outras mensagens, se não fosse por um trabalho em equipe, que é muito maior do que concebem, porque há inúmeros seres de inúmeras dimensões que estão a se beneficiar e acompanhar o trabalho que essa equipe de empoderamento realiza.


As mensagens, meus amados, são apenas a ponta do iceberg, mas há muito mais aqui, em um nível multidimensional. Há algo inconcebível à sua mente linear, porque as energias que trazemos por meio desses textos importam em um trabalho em conjunto de ancoramento e distribuição enérgica, fora de tudo aquilo que possam perceber na realidade física.


Vocês precisam estar cientes de que existe uma infinidade de seres que, das suas dimensões absorvem as mensagens. Senão as palavras, mas a energia contida nelas.


Porque, canalização, meus irmãos, é algo além de simples palavras escritas ou faladas através de um corpo mediúnico. Canalização é também uma usina sustentadora de energias e transmissora da mesma para vários outros campos. 


Vocês estão em um curso intensivo e, avançam sempre, sempre em diante, expandindo essa capacidade de receber a energia e repassá-la. Vocês estão caminhando também para “encorpar” essa energia definitivamente em vocês para que passem a ser a própria mensagem.


Por isso, a quantidade de pessoas no seu plano físico que leem não é nada, queridos. Há mais, muito mais almas vendo o trabalho, do que se é imaginado. Continuem, vocês estão ainda em treinamento. O melhor está por vir...


Eu vos agradeço, amados, pelo maravilhoso trabalho que estão a realizar. Mas tenham a certeza que há um motivo para essa mensagem ter chegado até vocês, da forma como for, escrita ou em áudio, pois ao recebê-la, vocês estarão ancorando a energia crística de expansão da consciência de toda a humanidade. Vocês, mais que isso, estão incorporando essa energia aos seus seres, para que se tornem a própria mensagem em seu dia a dia.


De todo meu coração.

Lord Maitreya

Canais: Gabriel Raio Lunar e Thiago Strapasson – 24/03/2016

Revisão: Solange Yabushita   

Brincadeira de roda - Lord Emanuel


Há uma brincadeira infantil em seu país que denominam de ciranda ou roda, onde as crianças se reúnem de mãos dadas a dançar e cantar, a cirandar, como dizem.


Há algo de tão doce nesse ato, porque na ciranda não existe o melhor, o mais importante, há apenas a intenção de juntos brincar. Há a doçura da infância, há brandura em que ninguém se mede pela aparência, pelas crenças, pelos valores e gostos. Mas todos permanecem de mãos dadas a cantar e dançar, todos tentando permanecer em um mesmo ritmo para que a brincadeira funcione.


Mas, que tal se apenas, por agora, trouxéssemos a energia dessa roda até aqui e a nossa infantilidade de volta, quando não julgávamos o amigo, mas segurávamos em sua mão para, juntos, brincarmos? Façam isso por um breve momento, apenas por curiosidade, e percebam o sentimento que isso lhes traz.


Então, parem um pouco o que estão a fazer. Tenham uma leve, suave, porém, profunda respiração. Continuem a respirar e tragam essas lembranças das brincadeiras de roda. Vocês estão pulando a cantar e dançar, todos juntos a rir, porque a roda está meio descoordenada, mas isso não importa porque é uma brincadeira. Quando alguém se atrapalha e sai do ritmo, isso os diverte muito. É uma das graças da brincadeira.


Sintam agora a alegria dessa época, onde quase nada era tão importante assim. Imaginem-se assim, como se fosse um presente a lhes aliviar o dia, porque sou eu que estou aqui, seu amigo Lord Emanuel. Sintam minha energia. Ela é doce como a da sua infância. Nesse momento, façam como quando brincavam, pois tudo que importa é a roda, o cirandar e nada mais.


Acompanhem a ciranda dessas palavras que trazem uma energia suave a lhes acalmar o dia. Aproveitem desse amigo que está aqui agora apenas para lhes servir.


E é na energia dessa doce e simples brincadeira que venho lhes trazer uma lembrança de união, como a da roda. Ela é leve, engraçada, divertida. Eu venho lhes trazer a lembrança da infância para que se perguntem: onde ficou aquela ternura? Em que momento deixaram de acreditar na magia da vida para se tornar um adulto? Em que momento deixaram de reconhecer a beleza da brincadeira de roda?


Até hoje, amados, eu garanto que iriam rir muito se juntassem uns amigos adultos como vocês e pegassem uns nas mãos dos outros e se pusessem a cantar e dançar tentando girar todos num único ritmo, pois sempre haveria aquele que cantaria fora de ritmo, ou o que atrapalharia o girar da roda. Porém, tudo isso não importaria, pois é tudo uma grande brincadeira. Então garanto que, por breves momentos, dariam boas gargalhadas e se esqueceriam de tudo o mais.


É porque, amados, essa criança está aí ainda. Essa criança vive dentro de você. Ela ainda gosta de brincar de roda e ela não é tão séria assim. Ela gosta de brincar, de divertir-se de maneira simples, em união. Busquem-na, tragam-na até vocês e sintam a ternura que ela possui. Permitam esse privilégio por um breve momento.


E lembrem-se: vocês são assim, como aquelas crianças que brincavam. Mas a vida os tornou adultos. Então se esqueceram de quem são de verdade.


Eu vos deixo junto a essa energia pueril da tenra idade, para que busquem essa energia ao longo de seus dias. Essa energia está dentro de vocês e essas palavras apenas os lembram disso. Tragam essa suavidade aos seus dias e não deixem que esse adulto apague sua criança. Vocês ainda podem pegar uns nas mãos dos outros e dançar ou, quem sabe, correr na chuva para se molhar.


De seu amigo,

Lord Emanuel

Canal: Thiago Strapasson – 24.03.2016

Revisão: Solange Yabushita